segunda-feira, 20 de setembro de 2021

Apresentação na FEIRARTE

 


A ARUC fez a sua segunda apresentação para a comunidade neste semestre, a convite da Administração Regional do Cruzeiro. Foi no sábado, dia 11 de setembro, fechando a FEIRARTE no estacionamento da Feira Permanente do Cruzeiro.

Bateria Carcará

Wallace e Karine, Mestre-sala & Porta-bandeira

Ala das Passistas

Carro de som: Toninho, Binho e João

Estas apresentações em nosso bairro são muito importantes para reaproximar a ARUC dos cruzeirenses. As atividades estão voltando com mais frequência, à medida que a população tem se vacinado e podemos sentir a energia em alta estando próximos das pessoas em espaços abertos e bem ventilados. Sempre usando máscara na medida do possível e respeitando as normas sanitárias, apesar do clima festivo e a saudade de estarmos todos juntos.



Administrador Regional Luiz Eduardo e Presidente Rafael 

A ARUC agradece o convite do Administrador Luiz Eduardo e o apoio da equipe da Administração Regional na organização do evento. Ficamos todos muito felizes em apresentar o nossa samba para os moradores e torcedores da nossa escola de samba. Que outras apresentações mais possam acontecer.

Conheça o time do DF campeão mundial do handebol master feminino

por Raphael Costa, do site Metrópoles. 18/09/2021

Time da Aruc garantiu as medalhas de ouro e bronze nas categorias 40+ e 30+ em torneio realizado na Croácia.

Reprodução/ Masters Handball World Cup

 Um time de Brasília fez história ao garantir o título do Masters Handball World Cup, realizado na Croácia entre os dias 9 e 12 de setembro. A equipe feminino de handebol da Aruc garantiu as medalhas de ouro e bronze, nas categorias 30+ e 40+, destinadas às pessoas acima dos 30 e 40 anos, respectivamente.

Desbancando escolas tradicionais da Europa, as brasileiras fizeram história e não só garantiram as medalhas em equipe, como também nos prêmios individuais com a melhor jogadora da competição e a melhor goleira. Os títulos vieram justamente em um dos países mais tradicionais e vitoriosos dentro do esporte.


No torneio realizado na cidade de Omis, próximo à Split, a equipe da categoria 40+ derrotou as representantes da República Tcheca por 12 x 5, enquanto na briga pelo bronze no 30 +, as representantes brasileiras derrotaram as donas da casa, do clube Zadar, por 9 x 6.

A treinadora das equipes, Rosângela Xavier, conta que a possibilidade de competir no Masters Handball World Cup surgiu ainda em 2019.

“Minha irmã recebeu um convite de um antigo treinador nosso, o Leonel Attias, que já treinou no Aruc. Ela mora em Portugal e foi chamada para atuar por uma equipe da Espanha. Falando com ele, surgiu a oportunidade de uma equipe representar o Brasil, e ela nos indicou. Assim a gente ganhou a chance de representar o Brasil”, revelou a treinadora.

Só que a expectativa de disputar a competição precisou ser adiada três vezes. A treinadora afirma que, por conta da pandemia da covid, a competição mudou de data em três oportunidades, o que dificultou na preparação.

“Tivemos dificuldades para treinar neste período, as quadras e as academias ficaram fechadas, isso atrapalhou bastante a nossa preparação, mas no fim, tudo isso acabou servindo de motivação para a nossa equipe conquistar estes resultados”, contou Rosângela.

O torneio

Por conta dos protocolos estabelecidos pelas autoridades de saúde do governo croata, a equipe da Aruc embarcou rumo à Croácia no dia 1º de setembro. Chegando lá, as 19 jogadoras e a comissão técnica precisaram ficar sete dias cumprindo a quarentena.

Neste período, Rosângela conta que elas tinham à disposição uma quadra dentro do hotel, que permitiu com que elas fizessem alguns treinos antes da competição iniciar.


Com a bola em quadra, cada uma das equipes participou de 5 partidas cada. A técnica do time explica que as atletas do 40+ podem atuar pelo time 30+, mas o contrário é proibido.

Eleita MVP do campeonato na categoria 40+, Leninha deu detalhes sobre o nível técnico da competição, realizada em um país tão importante para a modalidade como a Croácia.

“O nível foi altíssimo. Nós enfrentamos uma outra escola de handebol, o que foi muito importante. Além de defesas muito boas, enfrentamos jogadoras que são muito altas, algo que não estamos habituadas, mas mesmo assim conseguimos sair vencedoras”, revelou a atleta.

A técnica Rosângela reforçou o nível de dificuldade e a tradição do Handebol não só na Croácia, mas na Europa como um todo.

“É uma outra cultura. Em muitos dos países, o handebol é o esporte mais popular, e não o futebol. As ligas locais e a liga europeia são fortíssimas, e essa diferença é refletida na qualidade técnica do masters também. Ter conquistado esse título me deixa muito orgulhosa do que a nossa equipe conquistou”, revela a treinadora.


Além de Leninha, a goleira Denise também ganhou um título individual, o de melhor goleira da competição no 30+. Praticante da modalidade desde os 13 anos e com diversos títulos por aqui, esse foi o primeiro torneio internacional da goleira, que contou um pouco da emoção de conquistar este título.

“Fiquei lisonjeada com a convocação e foi uma verdadeira honra poder representar o Brasil com o time da ARUC, a única equipe da América do Sul a participar deste Campeonato Mundial Master. Este campeonato se revestiu de um sabor todo especial por ser a primeira competição internacional de handebol de que participei. Ganhar a Medalha de Ouro com a equipe foi indescritível, e contagiou toda a delegação brasileira que fez uma verdadeira festa ao final do jogo”, contou Denise.


Próximos passos

Passada as comemorações, o time já volta a focar para os novos desafios. No próximo dia 9 de outubro. Com o título mundial, a equipe de Brasília entra como uma das favoritas. O clube terminou na 2ª posição na última edição e chega para a disputa sabendo da responsabilidade após a conquista, como conta Leninha.

“Foi uma preparação e tanto, mas agora a responsabilidade aumenta, ser campeã mundial faz toda a diferença. Nós estamos bem preparadas, mas chegaremos no Brasileiro prontas para representar a Aruc”, concluiu a MVP.


quinta-feira, 16 de setembro de 2021

ARUC na FEIRARTE (Cruzeiro)


Apresentação de nossa escola de samba no dia 11 de setembro de 2021, em frente à Feira do Cruzeiro, fechando a programação da FEIRARTE. 
Promoção: Administração Regional do Cruzeiro
Imagens e edição: Loyane.

domingo, 5 de setembro de 2021

ARUC na FEIRARTE


A ARUC volta a apresentar-se para a sua comunidade. Será no dia 11 de setembro, dentro da programação da FEIRARTE do CRUZEIRO. Evento promovido pela Administração Regional do Cruzeiro. Estaremos com a escola de samba completa, com bateria, passistas e casais de Mestre-Sala e Porta-Bandeira, a partir das 18 horas.
 

A programação será ao longo de todo o sábado. Na ocasião o presidente Rafael Fernandes vai lançar seu novo trabalho com o personagem Dinâmico Erre às 15 horas. Trata-se de um audiolivro com a narração da próxima história em quadrinhos, esta ainda em fase de produção. Será uma oportunidade de celebrar a cultura cruzeirense.

terça-feira, 24 de agosto de 2021

Marca mantida

 

Em enquete realizada pelas redes sociais, foi apresentada uma proposta para nova marca da ARUC ou a manutenção da atual versão. Foi um debate que mexeu com nossos componentes, muitas manifestações nas postagens pelo Facebook e após sete dias no ar, chegamos ao resultado: por ampla maioria, a marca atual foi mantida.

Queremos aqui agradecer ao trabalho primoroso do artista Tomaz André, do diretor de cultura Robson da Silva e do gerente de marketing Serginho Pimentel, que construíram uma nova proposta  de identidade visual. Todos foram muito lúcidos ao acatarem o resultado que não aprovou o novo desenho e seguem como importantes colaboradores de nossa gestão. 

É importante salientar que uma marca pode passar por alterações com o passar do tempo. A atual marca foi feita entre 2013 e 2014. De fato é uma versão que manteve a estrutura de suas versões anteriores, mas não é o mesmo desenho desde a fundação da ARUC. No entanto, a mudança proposta foi um passo mais ousado, e uma vez posta para consulta, não foi escolhida pela maioria.

A atual gestão segue seu compromisso de trabalhar e buscar sempre engrandecer esta história tão rica e que se aproxima dos 60 anos. Vamos em frente lutar pelos próximos 60. Vida longa à ARUC.

Rafael Fernandes - presidente

terça-feira, 17 de agosto de 2021

Nova identidade visual


 Apresentamos hoje, Dia do Patrimônio Cultural, uma proposta de nova identidade visual para a ARUC. Desenvolvida por Tomaz André, a marca foi apresentada para a comunidade em uma live no Facebook, após a publicação do vídeo abaixo.


Vemos um breve histórico das marcas da ARUC, até a nova proposta. A ideia de atualizar o símbolo se deve por razões técnicas: a legibilidade dos gomos da bola ao fundo que confundem quando são feitas impressões pequenas, como o gavião ser oriundo de um banco de imagens, não sendo uma imagem exclusiva da agremiação. 


Como toda mudança é alvo de debate e comoção, após apresentar a ideia, queremos saber a opinião da nossa comunidade. Para isso, abrimos uma enquete, que começa hoje, dia 17 e vai até o dia 24 de agosto. Clique abaixo e faça a sua opção: Vamos atualizar a marca ou manter a atual?



CLIQUE AQUI PARA ACESSAR A ENQUETE.

sábado, 7 de agosto de 2021

Feira de artesanato do Cruzeiro

 



Convidada pela Administração Regional do Cruzeiro, a ARUC apresentou-se nesta manhã no Quadradão da 1205 no Cruzeiro Novo como parte da programação da Feira de Artesanato. Foi muito bom estarmos em um espaço aberto e próximo à comunidade cruzeirense. A ARUC fez muitos ensaios neste espaço nos anos 80, junto com a antiga Império do Cruzeiro Novo e voltou agora, depois de tantos anos.



Trata-se de um espaço importante e tradicional para atividades de rua no Cruzeiro, e foi em um ótimo momento, pois enquanto enfrentamos um processo por conta da Lei do Silêncio, recebemos o apoio e o carinho dos moradores que vieram acompanhar o nosso samba. Não foram poucos os que vieram nos cumprimentar pela apresentação, que fez muita gente descer dos blocos para acompanhar o show de nossa escola de samba.




E assim seguimos firmes no ideal de defesa do samba e da cultura popular, sempre próximos da população cruzeirense e brasiliense, levando alegria para o nosso povo. Agradecemos ao administrador Luiz Eduardo pelo convite e estamos à disposição para futuras apresentações ao ar livre em nossa cidade.

Rafael Fernandes - presidente