segunda-feira, 17 de dezembro de 2018

Campeã brasiliense de Handebol masculino


A equipe de handebol masculino adulto da UPIS/KFH/ARUC foi campeã brasiliense de 2018, ao vencer a forte equipe da UNB por 2 gols de diferença. No feminino, a equipe da ARUC ficou com o vice-campeonato, perdendo para UNB na final.
A diretoria da ARUC parabeniza todos os atletas e o treinador Artur Dourado, por mais essa brilhante conquista.

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

Aruc compõe o Conselho de Defesa do Patrimônio do DF

Por Imprensa Aruc

Cerimônia realizada na tarde desta quarta-feira, 14/11, no Palácio do Buriti, o presidente da Aruc - Associação Recreativa, Cultural Unidos do Cruzeiro, Moacir de Oliveira, Moa, tornou-se membro do Conselho de Defesa do Patrimônio Cultural do DF - CONDEPAC-DF.


Estiveram presentes na cerimônia o governador do DF, Rodrigo Rollemberg, o secretário de Cultura, Guilherme Reis e diversas outras autoridades e segmentos culturais da cidade.

O Conselho será composto de 22 conselheiros, dos quais 10 representarão o poder público, sendo 5 ligados à Secretaria de Cultura, 5 de outros órgãos do poder público e 12 representarão a sociedade civil.

O secretário de Cultura, Guilherme Reis, em sua  fala, mais como despedida de gestão do que de posse do Condepac-DF, fez questão de reconhecer a importância cultural do carnaval para a cidade, reconhecendo que o governo ficou com essa dívida junto à comunidade e os segmentos carnavalescos do DF, incentivando Moa, em nome das demais agremiações, a continuar essa justa luta pelas manifestações culturais populares no DF.

sábado, 27 de outubro de 2018

ARUC bicampeã de futsal sub-20


A equipe sub-20 da ARUC/UPIS/AABB venceu o Brasília Futsal/Icesp/AABB pelo placar de 6x3 neste sábado e conquistou o bicampeonato brasiliense da categoria, após ter vencido também a primeira partida por 3x1 no Cruzeiro. Além do título, a equipe teve o artilheiro e o goleiro menos vazado da competição.



Brasília Futsal e ARUC fazem a decisão do Brasiliense Sub-20 de Futsal

Foto: FEBRASA
Após 2 meses de grandes jogos e muitas disputas em quadras e ginásios de Brasília, o Campeonato Brasiliense Sub-20 de Futsal chega a sua última e derradeira partida neste sábado (27). A data que também marca o segundo turno das eleições no Brasil, será o Dia D para dois grandes rivais do futsal brasiliense. De um lado o Brasília Futsal/ICESP/AABB, do outro, ARUC/UPIS/AABB. Um dos maiores, se não o maior, clássico das quadras do DF decidirão a decisão da competição a partir do meio dia (12h).
No primeiro duelo entre as duas equipes, melhor para a ARUC que bateu o Brasília Futsal por 3 x 1, com dois gols de Caio e um de Igor. Agora o BsB Futsal precisa reverter esse resultado vencendo no tempo normal para forçar a prorrogação e vencer também no tempo extra. Uma missão complicada para o Brasília, mas não impossível. Na partida diante do Cresspom/Mauá, válida pela volta da fase semifinal, a equipe reverteu uma derrota sofrida por 4 x 1 na ida vencendo o time da Polícia Militar por 6 x 1 no tempo normal e empatando por 1 x 1 na prorrogação. Agora a missão é segurar o poderio da Aruc, equipe mais regular da competição até aqui.
ARUC/UPIS/AABB leva vantagem nós números
A equipe da ARUC tem boa vantagem em vários aspectos da competição. A começar pela campanha. Em 7 jogos, foram 5 vitórias, 1 empate e apenas 1 derrota. Em contrapartida, o Brasília venceu 3 partidas, empatou uma e perdeu outras três. Além disso, a ARUC marcou 31 gols até aqui, tendo sofrido apenas 10. O Brasília tem saldo negativo, devido a goleada sofrida diante da mesma ARUC/UPIS/AABB por 12 x 2 na 2ª rodada da primeira fase. Com isso, o Brasília marcou 25 gols, mas sofreu 29 e possui 4 gols negativos de saldo.
De todo modo, não há jogo vencido. Como não há vantagem por número de gols como no futebol, uma simples vitória por 1 x 0 no tempo normal e outra na prorrogação garantem o título ao Brasília.
Desfalques e expulsões
Os mandantes irão à quadra com apenas um desfalque. O camisa 6 Tavares foi expulso na última partida e não integrará o plantel do Brasília Futsal. Do lado da ARUC, o capitão Paulo Victor, expulso na partida de ida, e o pivô Fortuna não disputarão a final do campeonato. Mas a equipe ainda contará com Caio, o artilheiro da competição e Marcos Vinícius, considerado o grande craque do certame.
O jogo de volta da decisão do Campeonato Brasiliense Sub-20 de Futsal entre Brasília Futsal/ICESP/AABB e ARUC/UPIS/AABB ocorrerá às 12h deste sábado (27) no Ginásio da AABB.
Por Gabriel Felipe, do DF Sports

domingo, 21 de outubro de 2018

Parabéns, ARUC, 57 anos de glória, de amor e de luta

A ARUC completa hoje 57 anos de vida e de uma história gloriosa.

Este ano, excepcionalmente, em função de problemas de agenda, vamos comemorar a data com uma grande festa, no próximo dia 17 de novembro, tendo como convidado especial Arlindinho, que vai homenagear seu pai, Arlindo Cruz, que se recupera de um AVC, com as participações da Bateria, intérpretes, passistas e casal de MPSB da ARUC e das bandas Café com Samba e Coisa Nossa.

Mais tradicional escola de samba da cidade, maior campeã do Carnaval de Brasília, com seus 31 títulos, e Patrimônio Cultural Imaterial do DF, temos consciência da nossa responsabilidade com a defesa do samba, do Carnaval, do esporte e da cultura popular.

Nesses 57 anos de vida, a ARUC nunca abandonou essa luta. E nunca deixou de defender os interesses do Cruzeiro e da sua comunidade.

Apesar de nossas vitórias e conquistas, que são muitas, no samba, no esporte, na cultura, nos projetos sociais e na regularização da área que ocupamos, vivemos um momento difícil.

A não realização dos desfiles das escolas de samba nos últimos quatro anos, coisa que nunca tinha acontecido na história da nossa cidade, fere de morte a nossa alma, entristece nossos componentes e nossa comunidade e ameaça o nosso futuro.

Podemos realizar feijoadas, eventos, shows, apresentações da nossa Bateria e do nosso Grupo Show, projetos sociais e comunitários, conquistar vitórias com nossas equipes esportivas, cuidar da nossa memória, mas sem o desfile das escolas de samba fica faltando um pedaço da nossa alma.

Afinal, a ARUC embora não exista só para desfilar, e sim desfila porque existe, é, na sua essência, uma ESCOLA DE SAMBA!

Em respeito aos nossos fundadores, componentes, comunidade e tradições, vamos continuar lutando para sobreviver e manter viva a bandeira do samba, do Carnaval e da cultura popular, e defendendo a volta dos desfiles das escolas de samba, ainda que sob um novo formato, mais enxuto e economicamente viável e sustentável.

Como diz a letra do nosso Hino, "eu sou um rio, transbordando de amor, eu sou ARUC, sou um vencedor"!

Parabéns a todos os cruzeirenses que ajudaram a escrever essa história gloriosa, nesses 57 anos de vida.

Vocês são o nosso maior tesouro!

Brasília, 21 de outubro de 2018

Moacyr Oliveira Filho, presidente